PERÍODO CHUVOSO

Deputado Renan elogia aprovação de lei que destina recursos a municípios em situação de emergência

Parlamentar também destacou a tramitação de dois PLs que vedam cláusula de barreira em concursos públicos de Roraima
Divulgação/Fonte

Compartilhe:

O deputado Renan (Solidariedade) usou a tribuna nesta terça-feira (14) para parabenizar os colegas pela aprovação do Projeto de Lei (PL) nº 274/22, de autoria de vários parlamentares, que reconhece a situação de emergência em 12 municípios de Roraima devido às fortes chuvas.

“Aprovamos ontem [segunda-feira, 13] um recurso para que as prefeituras possam, de certa forma, cuidar de seus municípios em razão das fortes chuvas que acabaram prejudicando muita gente em todo o Estado”, informou o deputado.

Após sanção do governo, o Estado ficará autorizado a destinar recursos às prefeituras, que decretaram calamidade pública, que deverão ser aplicados em saneamento e para amenizar danos causados pela situação emergencial.

“Mais uma vez, esta Casa, com o Executivo e o Legislativo Municipal, tem feito algo pela população. Ontem ficou claro o quanto a Assembleia Legislativa tem como prioridade a população que nos colocou aqui. Parabenizo todos os colegas e o presidente Sampaio. Parabéns pela postura. A gente, que anda por todos os municípios, sabe que as chuvas foram acima da média”, destacou Renan.

Cláusula de barreira

O deputado também falou aos representantes da classe, presentes no plenário, sobre a cláusula de barreira com relação ao último concurso público da Polícia Militar de Roraima. A regra é constitucional e limita o número de candidatos participantes de cada fase, quando são selecionados apenas os inscritos mais bem classificados para prosseguirem no certame.

De acordo com o deputado, atualmente, tramitam na Comissão de Administração da Assembleia Legislativa os Projetos de Lei (PLs) 115/22 e 139/22, que criam cadastro de reserva e vedam a eliminação de candidatos classificados fora das vagas disponíveis em concursos públicos no âmbito de Roraima, de autoria dos deputados Evangelista Siqueira (PT) e Renan, respectivamente.

“Já foram aprovados na CCJ [Comissão de Constituição e Justiça], agora estão na Comissão de Administração. Por sinal, já têm o parecer favorável dos deputados Dhiego Coelho [Solidariedade] e Jorge Everton [União]. Alguns de vocês já se reuniram com alguns deputados também, e eu não tenho dúvida nenhuma de que logo esse projeto vai ser aprovado e passará para a Comissão de Orçamento, indo em seguida a Plenário”, explicou.

Texto: Suzanne Oliveira
Foto: Nonato Sousa/Eduardo Andrade
SupCom ALE-RR

Leia também:

Livro sobre Boinas Azuis da ONU será lançado no STJ

Postado em 31 de dezembro de 1969

Assembleia Legislativa aprova leis em favor da saúde mental da população roraimense

Postado em 3 de janeiro de 2022

Assembleia Legislativa continua a serviço da população durante recesso parlamentar

Postado em 3 de janeiro de 2022

Centro de Convivência da Juventude da Assembleia Legislativa retoma atividades

Postado em 4 de janeiro de 2022