Roraima apresenta maior número de projetos em programa de turismo da Confederação Nacional do Comércio – GOVERNO DE RORAIMA

Divulgação/Fonte

Compartilhe:

O Governo de Roraima, por meio da Secult (Secretaria de Cultura e Turismo), foi a unidade da federação que mais apresentou projetos dentro do programa Vai Turismo, da CNC (Confederação Nacional do Comércio) para o ano de 2024.

A informação foi dada pela coordenadora da ação, Márcia Cristina Alves, durante reunião do CNT (Conselho Nacional de Turismo) do Ministério do Turismo, realizada de forma online na semana passada.

De acordo com o diretor de turismo da Secult, Bruno Brito, a ação promovida pela CNC é uma oportunidade de integrar propostas e conectar instituições para recomendar políticas públicas que estimulem o desenvolvimento sustentável de destinos turísticos brasileiros.

“Essa menção mostra a diligência da gestão do turismo estadual em preparar políticas públicas voltadas à melhorias no destino turístico Roraima, dentro do planejamento do estado, que se estende até no ano de 2030, juntamente com o trade turístico e demais atores do segmento, sejam os condutores, guias de turismo, turismólogos, gestores municipais, empresários e as comunidades indígenas”, afirmou Brito.

Ainda segundo o diretor, os projetos visam a integração dos municípios de Roraima que fazem parte das três regiões turísticas, sendo elas: O Extremo Norte do Brasil; A Savana Amazônica; e Florestas da Linha do Equador.

“Essas ações vão projetar um Estado cada vez mais turístico, mostrando que o setor tem o apoio devido do Governo, além do compromisso em investir visando o crescimento dos fluxos turísticos. “É uma demonstração de que o trabalho feito em parceria com todo o trade, e apresentando à Confederação Nacional do Comércio por meio do Vai Turismo, vem sendo exitosa e nacionalmente reconhecido”, complementou o diretor.

PLANO DE DESENVOLVIMENTO

Os projetos estão inseridos no rol de programas do Turismo 2030, no Plano de Desenvolvimento Regional e Sustentável do Turismo do Estado de Roraima, aprovado em 2021 pelo Fórum Estadual de Turismo e executado desde então.

Este plano compreende dois programas: o Programa de Desenvolvimento do Turismo Regional (com ações voltadas à infraestrutura e capacitação) e o Programa de Promoção da Oferta Turística Integrada (com iniciativas voltadas a promover a imagem turística de Roraima).

A ideia é fortalecer os núcleos turísticos nos municípios, que é onde o turismo acontece, fortalecendo toda região e, por sua vez, o sistema turístico estadual, fazendo com que políticas públicas estaduais de turismo possam dialogar com as premissas e propósitos pensados pelos municípios e pela região turística.

Nos projetos de infraestrutura turística estão previstos investimentos de mais 200 milhões de reais até o ano de 2030, com a instalação de equipamentos que proporcionarão mais conforto na experiência turística a todos os visitantes. O Governo já anunciou mais de R$12 milhões de investimento este ano na Serra do Tepequém com a construção do complexo turístico, que contará com mirante, portal de acesso e o CAT (Centro de Atendimento ao Turista), beneficiando visitantes, trabalhadores e empreendedores do turismo local.

De Governo de Roraima / SECOM – Acesse a matéria completa – aqui.

Leia também:

Prefeitura de Maricá nega desvios de recursos da saúde

Postado em 28 de fevereiro de 2024

Imunização contra a dengue envolverá a rede pública de ensino dos municípios – GOVERNO DE RORAIMA

Postado em 28 de fevereiro de 2024

PREVIDÊNCIA SOCIAL ALE-RR realiza audiência pública com presença do ministro Carlos Lupi nesta sexta-feira | ALE-RR

Postado em 27 de fevereiro de 2024

Câmara aprova regime de urgência para oito projetos – Notícias

Postado em 27 de fevereiro de 2024