UNALE 2023 Servidores da ALE-RR participam de debates sobre aperfeiçoamento nas rotinas de trabalho | ALE-RR

Divulgação/Fonte

Compartilhe:

Servidores de diferentes setores da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) participaram do primeiro dia da 26ª Conferência Nacional da Unale (União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais), nesta quarta-feira (8). O evento segue nesta quinta (9) e sexta-feira (10), na cidade de Fortaleza, Ceará, com debates, painéis temáticos, fóruns e mesas-redondas.

A servidora do Cerimonial do Parlamento roraimense Lena Fagundes participa pela primeira vez do evento. Convidada a ministrar a palestra “Gestão profissional: viver a vida para ser feliz”, durante o encontro da Associação Brasileira de Cerimonialistas dos Legislativos Estaduais (Abcle), ela ressalta que o bom profissional deve procurar ser uma pessoa alegre.

 

 

“Nós temos que saber todas as técnicas da nossa gestão, de como funciona um cerimonial e, para que nós possamos ser excelentes profissionais, temos que ser felizes. Então, eu uni isso para poder motivar as pessoas a buscarem a felicidade, porque você só faz bem um trabalho quando está bem, quando está feliz”, avaliou.

Presente em praticamente todas as Unales desde o seu surgimento, a diretora do Cerimonial da Casa Legislativa de Roraima, Sílvia Macedo, acredita que a troca de experiências com os demais cerimonialistas do Brasil é o papel principal da conferência em sua área. Ela também destaca que sempre aprende algo novo, principalmente, com a nova geração.

“Em todos os encontros eu aprendo porque são dinâmicos, nada é estático na nossa profissão, sempre tem uma ‘virgulazinha’ que a gente aprende. Também está entrando uma nova geração que se chama novo cerimonial. Esses meninos novos têm muita bagagem para nos agregar, assim como nós, os mais antigos, porque, querendo ou não, o protocolo e a essência sempre irão existir”, avaliou Silvia.

Com foco no fortalecimento das Polícias de Segurança Institucionais, a União Nacional das Polícias Legislativas (Unipol) debateu assuntos como porte de armas. Quem acompanhou o encontro foi Jaildo Rodrigues. Esta é a primeira vez que ele participa do evento.

“A gente sempre procura absorver o máximo de conhecimento repassado. Muitas coisas são novidade e podem ser aplicadas no nosso Estado”, enfatizou.

O encontro da Associação dos Procuradores e Advogados do Poder Legislativo (Anpal) debateu a segurança jurídica nos trabalhos das Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs).

O procurador-geral da Assembleia Legislativa de Roraima, Paulo Hollanda, e o procurador-geral Adjunto, Sergio Mateus, marcaram presença e falaram sobre o importante trabalho que é exercido pelo setor jurídico da Casa.

“Cada CPI tem um tema, uma novidade e a Casa deve estar preparada. E quem faz esse trabalho é a procuradoria”, ressaltou Holanda.

O procurador-geral Adjunto destacou que o trabalho da procuradoria é realizado em conjunto com cada parlamentar.

 

“Como as questões políticas acabam parando no Judiciário, as procuradorias hoje têm uma importância muito grande para o trabalho parlamentar”, afirmou Mateus.

O Instituto Legislativo Brasileiro (Interlegis) debateu assuntos em alta, como a utilização da Inteligência Artificial no Parlamento. Quem participou do encontro pela primeira vez foi Josiane Daubermam, secretária das comissões. Ela falou sobre os conhecimentos adquiridos durante as discussões.

“Foi uma ótima experiência, com um debate amplo em que a gente pôde aprender mais sobre os diversos assuntos discutidos aqui.”

 

 

 

Ainda houve seminários da União Nacional de Taquigrafia Parlamentar e Judiciária (Unataq), que discutiu neste encontro as modernizações na taquigrafia. Jucilene Santos é taquígrafa do Parlamento Roraimense há mais de vinte anos e comentou sobre sua participação na Unale. “A gente recebeu dicas importantes sobre o processo de inovação na taquigrafia. Estou levando muita informação para nosso setor”.

Participando pela segunda vez da Unale, o superintendente de Gestão de Pessoas da ALE-RR, Claudemi Alves, marcou presença no encontro da Associação Nacional dos Servidores Públicos em Recursos Humanos do Legislativo (ANSREHL), que neste ano discutiu assuntos relacionados, como responsabilidade fiscal e a lei de proteção de dados.

“É um grande ganho para o nosso setor. Aqui é uma troca de experiência com os gestores dos setores de recursos humanos de todo o país. E a gente leva uma grande bagagem para implementar na nossa Assembleia.”

 

 

O superintendente legislativo Jardel Souza é membro da Associação Nacional dos Consultores Legislativos (Anacol) e participou do encontro realizado nesta quarta-feira. “Os consultores prestam assessoria técnica para os parlamentares, portanto é de extrema importância essa reunião em que há um direcionamento para todas as Assembleias, afirmou.

 

A Conferência da Unale segue até sexta-feira (10) com a realização de plenárias e grupos de discussões entre servidores e deputados estaduais.

Texto: Bruna Gomes e Suzanne Oliveira

Enviadas especiais a Fortaleza-CE

Fotos: Marley Lima/ Nonato Sousa

Enviados especiais a Fortaleza-CE

SupCom ALE-RR

Fonte: ALE-RR | Assembleia Legislativa de Roraima – Leia mais

PUBLICIDADE

Leia também:

Governo inaugura vicinal que atenderá comunidades indígenas de Normandia – GOVERNO DE RORAIMA

Postado em 4 de março de 2024

Desenvolve Roraima e Sebrae/RR avançam no planejamento estratégico durante visita consultiva | ASN Roraima

Postado em 4 de março de 2024

Concurso Nacional Unificado tem quase 10 mil indígenas inscritos

Postado em 4 de março de 2024

FISCALIZAÇÃO Procon Assembleia monitora aplicação da lei que garante meia-entrada a agentes de segurança pública | ALE-RR

Postado em 4 de março de 2024