TODAS AS IDADES – Mais de 10 mil pessoas visitaram a 1a Edição do Pavilhão Integrado do Agronegócio durante Expoferr | ASN Roraima

Divulgação/Fonte

Compartilhe:

Mais de 10 mil pessoas passaram pelo Pavilhão Integrado do Agronegócio durante os cinco dias de participação na 42ª Edição da Expoferr – Feira Agropecuária, de 14 a 18 de novembro, no Parque de Exposições Dandãenzinho, na zona rural de Boa Vista. Aproximadamente 2 mil pessoas foram atendidas com palestras, capacitações, reuniões e na maratona de desenvolvimento Hackathon, de realização Sebrae Roraima e Seadi.

Este foi o primeiro ano do Pavilhão Integrado do Agronegócio que funcionou graças a um convênio entre o Sebrae/Roraima, e Federação da Agricultura e Pecuária de Roraima (Faerr), que reuniu também a Federação das Indústrias do Estado de Roraima (Fier), Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio) e Sistema OCB (Organização das Cooperativas do Brasil).

“Superou as expectativas começando pela integração institucional e trouxemos também aos Correios que tem uma logística para os pequenos negócios. Neste sentido, além da interação, conseguimos de maneira conjunta, fazer o atendimento mais integrado ainda aos empreendedores, seja do campo ou da cidade”, explicou o superintendente do Sebrae Roraima, Emerson Baú.

Em maioria, as atividades do Sebrae foram direcionadas ao desenvolvimento tecnológico e inovação, principalmente ao agro, mercado em constante expansão. Por mais de 32h, jovens se dedicaram ao Hackathon, maratona ininterrupta para desenvolvimento de software dentro da temática da Feira para ajudar a resolver as problemáticas existentes no agronegócio. Esta ação também foi desenvolvida em parceria com a Seadi.

No Pavilhão, as instituições aproveitaram o momento para se reunir e deliberar pautas importantes e comuns ao Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae e reunir lideranças do agronegócio de toda a região, além da presença do presidente da Confederação Nacional da Agricultura e do Conselho Nacional do Sebrae. Complementar com os nomes e cargos dos principais. Na oportunidade, foram realizadas palestras e assinados convênios e acordos para fortalecer o agronegócio. Informações e Conhecimentos sobre o setor também tiveram destaque.

/>

“O Túnel do Tempo Agro foi uma das grandes atrações da agricultura, então é extremamente relevante o impacto, foi muito positivo e acredito que ano que vem a gente consiga fazer isso de maneira ainda aprimorada”, adiantou o superintendente.

E é com esta visão de continuidade do Pavilhão Integrado do Agronegócio que Baú espera ampliar os serviços do Sebrae para os participantes da Expoferr.

Levar os jovens a conhecer o que há de novo e tecnológico para o agronegócio foi outra proposta do Sebrae Roraima ao convidar empresas com didáticas exclusivas e dinâmicas.

/>

“Foi uma sugestão do Sebrae junto a coordenação de Inovação da Seadi do Governo do Estado para que as crianças consigam enxergar as oportunidades do agronegócio pela inovação, tecnologia, uso de equipamentos, robótica e saiam do virtual para prática”, complementou Emerson Baú.

Neste sábado, a Happy Codi levou para arena do Sebrae a “Mini Ted Talks”. A proposta foi preparar as crianças e jovens a apresentação de palestras sobre os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), da ONU (Organização das Nações Unidas). “Foi desafiador trazer a comunicação para uma Feira Agropecuária, mas é gratificante trazer essa conexão, a comunicação para era digital e trazer a agricultura para as crianças é válido para o aprendizado e desenvolvimento delas”, explicou a instrutora Jéssica Glenda.

A Patrulha Eureka, com a Expo Robot, incentivou o uso da tecnologia para manuseio de um robô virtual.

“Mostramos a importância da tecnologia hoje principalmente na produção de alimentos e que avançou muito a produção dos alimentos e hoje a gente consegue produzir mais do que a humanidade consegue consumir e graças a tecnologia e para se criar é preciso desenvolver habilidades, entre elas a de aprendizagem”, explicou o professor Ville Medeiros.

Com o uso de jogos e brinquedos lúdicos, a Código Kids, com o tema Moinho de Vento Automático e Manual, promoveu também concurso de robótica.

“Pra mostrar que a tecnologia tem influenciado não só o dia a dia, como no agronegócio também, como a automação, a tecnologia, tudo tem chegado muito próximo e para eles também conhecerem os negócios”.

Lei a notícia completa na Agência Sebrae de Notícias – Clique Aqui!

Leia também:

Pesquisa sobre mídia cívica indica ruptura com conceitos tradicionais

Postado em 16 de junho de 2024

Polícia Civil participa de operação nacional de proteção ao Meio Ambiente

Postado em 16 de junho de 2024

TERAPIA E RENDA EXTRA Alunos concluem curso de pintura em tecido na Escolegis do bairro Santa Luzia | ALE-RR

Postado em 15 de junho de 2024

Comissão aprova licença-maternidade de 180 dias para bombeira e policial – Notícias

Postado em 15 de junho de 2024