Pesquisar

DIREITOS VIOLADOS Procon Assembleia vai aos Correios orientar consumidores após denúncias de mau atendimento | ALE-RR

Divulgação/Fonte

Compartilhe:

O Procon Assembleia foi acionado na manhã desta terça-feira (13) por usuários da unidade dos Correios localizada na Avenida Benjamin Constant devido à precariedade no atendimento. Irritados, os consumidores reclamaram da demora na entrega de encomendas, que acabam voltando ao remetente em razão, segundo eles, da falta de logística da empresa que não dá conta da demanda da população de Roraima.

De acordo com Mileide Sobral, diretora do Procon Assembleia, não é comum o órgão receber reclamações sobre violação dos direitos previstos no Código de Defesa do Consumidor (CDC) relacionadas aos Correios.

Segundo ela, o que acontece é que muitas vezes os consumidores não se preocupam em saber da política de troca e sobre como se dá a devolução dos produtos, o que pode variar dependendo da empresa. Para Mileide, é importante que o consumidor insatisfeito com o serviço dos Correios formalize uma denúncia.

“Ela pode ser feita nos canais de atendimento do Procon Assembleia e da ouvidoria dos Correios para que possam melhorar esses serviços. O consumidor que tem uma localização da sua encomenda, que já foi aos Correios, abriu uma reclamação e não teve resposta ou o prazo desta expirou, deve denunciar no Procon Assembleia e levar tudo que sirva para comprovar a transação”, explicou Mileide.

 

O servidor público João Alecrim era um dos consumidores que estavam chateados com os Correios. Ele contou que já passou por diversas situações com a empresa, que vão da longa espera para receber o produto a ter que ouvir da instituição que o carteiro passou três vezes consecutivas na casa dele, sem obter êxito

“Pedi uma mercadoria que faz parte da construção das minhas aulas. Já faz aproximadamente um mês. Em meses anteriores, eles devolveram o meu pedido para o fornecedor, alegando que tentaram entregar três vezes e não havia ninguém em casa, sendo que tinha gente no local nos horários de entrega. Ontem, foram lá, mas entregaram somente uma parte dos produtos, informando ainda que eu tinha somente dois dias para pegar o restante, senão a mercadoria voltaria.”

Disposto a receber o objeto, Alecrim chegou aos Correios às 10h e pegou uma senha de número 380, havendo 60 pessoas na frente dele. “O horário de funcionamento é das 9h às 12h, e a média de atendimento é de 15 minutos. Até o meio-dia, não chegaria minha vez e eu perderia minha manhã. Os funcionários se restringem a dizer que a demanda é grande. De fato, é, mas deveria ter uma pessoa disponível para prestar informação sobre o rastreamento dos pedidos”, sugeriu.

O haitiano Johnny Joseph estava muito chateado porque aguardava um objeto há dois meses. “Isso é um absurdo. Eu paguei pela entrega, tenho dez produtos lá dentro [dos Correios]”, relatou.

 

 

 

O Procon Assembleia está localizado no prédio da Superintendência de Programas Especiais, na Avenida Ataíde Teive, 3510, bairro Buritis. Os atendimentos ocorrem de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. As orientações também são feitas virtualmente pelo WhatsApp (95) 98401-9465 e pelo endereço https://al.rr.leg.br/procon/. 

Texto: Marilena Freitas

Foto: Eduardo Andrade

SupComALE-RR

Fonte: ALE-RR | Assembleia Legislativa de Roraima – Leia mais

Leia também:

Ex-delegado Rivaldo Barbosa nega contato com irmãos Brazão e diz que milícia é culpada por morte de Marielle – Notícias

Postado em 15 de julho de 2024

VOLTA ÀS AULAS Centro de Convivência da Juventude retoma atividades nos quatro polos de Boa Vista | ALE-RR

Postado em 15 de julho de 2024

Rio: governador diz que houve vazamento de informações sobre operação

Postado em 15 de julho de 2024

Sebrae/RR orienta empresários sobre a importância do crédito consciente | ASN Roraima

Postado em 15 de julho de 2024