Pesquisar

Cacique Raoni recebe carta do rei britânico Charles III

Divulgação/Fonte

Compartilhe:

Liderança indígena brasileira reconhecida no Brasil e no exterior, o cacique Raoni Metuktire recebeu uma carta do rei britânico Charles III, que honra o líder kayapó como “impressionante exemplo” a ser seguido. A entrega aconteceu no evento O Chamado do Cacique Raoni – Grande Encontro das Lideranças Guardiãs da Mãe Terra, realizado entre 24 a 28 de julho na Aldeia Piaraçu, no Território Kayapó, em São José do Xingu. O documento chegou às mãos do cacique por meio da Encarregada de Negócios da Embaixada do Reino Unido no Brasil, Melanie Hopkins.

“Sua voz tem sido fundamental no Brasil, e no mundo, em esforços para preservar a Amazônia e em seu apoio aos direitos de todos os povos indígenas”, disse o monarca do Reino Unido.

Antes de chegar ao trono, quando ainda era príncipe, Charles III se encontrou com Raoni em 2009, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro. O cacique também já foi recebido por Charles na Clarence House, uma das residências da família real britânica.

A correspondência foi entregue no evento que recebe apoio da organização britânica sem fins lucrativos Global Canopy. Segundo a Embaixada do Reino Unido no Brasil, a instituição fornece dados, métricas e avaliações para que grandes empresas, instituições financeiras, governos e organizações ao redor do mundo possam melhorar suas práticas em relação à proteção das florestas e da biodiversidade.

leia a íntegra da carta:

Caro Cacique Raoni,

Fiquei muito entusiasmado em saber que a organização britânica, Global Canopy, está dando suporte ao evento em julho deste ano para honrá-lo por seus feitos globais memoráveis e para encorajar a próxima geração a seguir seu impressionante exemplo. Sua voz tem sido fundamental no Brasil, e no mundo, em esforços para preservar a Amazônia e em seu apoio aos direitos de todos os povos indígenas.

Durante minha própria visita à Amazônia, em 2009, testemunhei em primeira mão os profundos impactos do desmatamento e das mudanças climáticas na floresta tropical e nos povos e comunidades indígenas que ali residem. Também me lembro com apreço de nosso encontro no mesmo ano no magnífico Jardim Botânico do Rio de Janeiro, onde conversamos sobre o desejo compartilhado de ver a Amazônia protegida, e o prazer que mais tarde tive em recebê-lo na Clarence House.

Também fico contente que o Reino Unido tenha conseguido apoiar este evento por meio do Programa REDD+ para Pioneiros (REM), que conta com um de seus focos no fortalecimento de governanças indígenas e no apoio aos meios de subsistência de povos indígenas em seus territórios.

Envio meus melhores votos a você e a todos os povos indígenas do Brasil.

Charles R

Fonte: EBC Agência Brasil – Da Agência Brasil – acesse aqui.

Vinícius Lisboa – Repórter da Agência Brasil

Leia também:

Corrida da Polícia Civil de Roraima atrai 600 participantes, envolvendo policiais e comunidade

Postado em 16 de julho de 2024

Estão abertas inscrições para Curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica — Agência Gov

Postado em 16 de julho de 2024

Ex-delegado Rivaldo Barbosa nega contato com irmãos Brazão e diz que milícia é culpada por morte de Marielle – Notícias

Postado em 15 de julho de 2024

VOLTA ÀS AULAS Centro de Convivência da Juventude retoma atividades nos quatro polos de Boa Vista | ALE-RR

Postado em 15 de julho de 2024